quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Que seja leve.

Sobre meus pés
mais nenhum peso .
sobre mim,
nada.

Se vão
todos os eus e meus
e nossos
que me prenderam até aqui.

Não posso
com palavras ,
explicações ,
nem nada .

Só coisas
que me façam
voar.
Por favor!

Vamos chutar
isso que nos coloca
embaixo,
para longe.

Façamos
um grito,
bem brega,
em favor da leveza.
(Aquela é que insustentavél).

Mas tentemos!
Tentemos ser
não sendo
e sendo o que for.

Tentamos
ser outros e nós mesmo.
É para experimentar
que estamos aqui.

Sim ,
sem excessos,
sem peso.
Só assim , sorrindo.

Vou sendo sorriso
e deixo pra trás
tudo e qualquer
coisa que em mim
se faça pesar.

Só vou permitir
o que é da ordem
das asas,
dos vôos.

Vou me permitir
em você, inteira.
Mas desde que
seu peso não me cause dor.

Pese leve!
Assim , como era no principio
quando ainda eramos pensamentos.

Vou deixando o vento me carragar,
até você,
ou para outro
lugar.

Vou deixando,
amando ,
sorrindo ,
brincando.

Deixando ,
no gerundio.
Pois tudo é
sempre
transformação.

Para nós, asas!
E que seja leve enquanto dure!

4 comentários:

Diogo Liberano disse...

caralho, maluca.
sério, fui lendo, o sorriso abrindo, terminei de ler, os olhos marejados.

q lindo,dô
q preciso
caralho
pese leve
ai
lindo lindo
orgulhoso estou

!!!!


ai

bjo sempre
imenso
de tão leve

Espaço Feliz disse...

Lindo menina.
Suas palavras me levaram
me perdi e não sei aonde acabei, ao terminar de ler.
Lindo.
Arrasou.
Leveza!!!
2010 SEU NOME É LEVEZA!!!
LEVEZA PRA MIM, PRA TI E PARA O DI!!!
O DI COMBINOU!!!HAHAHAHAHAHA
Beijos menina
Love you

Espaço Feliz disse...

Ah, arrasou
seu blog tah lindo d+!!!
Tinha q fazer esse comentário perua!!!hahahaha

May Aguiar disse...

Simplicidade ,
Levesa,
Energia positiva.
e paz,mta paz de espirito!.
;)
to feliz pelo que deseja da vida Dom.
Beijos